STUDIES IN SOCIAL SCIENCES REVIEW https://ojs.studiespublicacoes.com.br/ojs/index.php/sssr <p>The journal <strong>STUDIES IN SOCIAL SCIENCES REVIEW (SSSR)</strong> it is an innovative option for the academic community because it will bring scientifically based information in the <strong>area of Social Sciences</strong>, which includes publications in the areas of Law, Administration, Economy, Architecture, and urbanism, Urban and Regional Planning, Demography, Informational science, Museology, Communication, Social Services, Domestic Economy, Industrial Design and Tourism, in addition to the sub-areas.</p> <p style="margin: 0cm; margin-bottom: .0001pt; text-align: justify; background: white;">The SSSR accepts contributions written in <strong style="box-sizing: border-box;">Portuguese</strong>, <strong style="box-sizing: border-box;">English</strong> or <strong style="box-sizing: border-box;">Spanish</strong>.</p> <p>DOI prefix of SSSR: <strong>10.54018</strong></p> <p style="text-align: justify;">ISSN: <strong>2764-085X</strong></p> <p style="text-align: justify;">Area of ​​knowledge: <strong>Social Sciences</strong></p> <p> </p> Profa. Barbara Bonfim, MSc. en-US STUDIES IN SOCIAL SCIENCES REVIEW 2764-085X Tendencias actuales en la atención y prevención de problemas escolares en la infancia: una revisión integral https://ojs.studiespublicacoes.com.br/ojs/index.php/sssr/article/view/3141 <p class="Dadosautores">La atención y prevención de problemas escolares en la infancia es crucial para promover un desarrollo académico ideal y emocionalmente saludable, el presente artículo de revisión de literatura ofrece una mirada integral de las tendencias actuales en este campo, abordando estrategias innovadoras y distintos enfoques multidisciplinarios en donde se explora cómo la intervención temprana, el apoyo emocional y el uso de la tecnología educativa están transformando la manera en que se abordan los desafíos escolares en la actualidad. Para esto es imprescindible que exista la colaboración tanto del padre de familia, docentes, estudiantes y personal académico de los centros de estudios, siendo notable que cada actor juegue un papel fundamental en el proceso de detección oportuna, intervención y seguimiento de las personas que sufren los diferentes trastornos relacionados al proceso de aprendizaje, al fomentar un entorno escolar de apoyo e inclusión, los escolares pueden desarrollar las habilidades necesarias para conseguir el éxito académico y su satisfacción en general. La revisión sistemática que fundamenta la investigación fue cimentada en varias bases de datos científicas, literatura especializada y documentación técnica que validan el estado del arte propuesto, llegando a concluir que la negligencia en la detención oportuna de las dificultades escolares puede llevar a una serie de resultados de índole negativo, subrayando la urgencia de una intervención oportuna a temprana edad, priorizando la atención a los problemas escolares en la infancia para fomentar un desarrollo saludable, el logro académico y la inclusión social en cada una de las actividades a las cuales los estudiantes se enfrentan en su proceso formativo.</p> Santiago Otero Sara Lucero-Revelo Gladys Paredes-Pita Dalma Játiva-Ávila Lorena Casanova-Imbaquingo Cristina Suárez-Valencia Copyright (c) 2024 Santiago Otero, Sara Lucero-Revelo, Gladys Paredes-Pita, Dalma Játiva-Ávila, Lorena Casanova-Imbaquingo, Cristina Suárez-Valencia 2024-04-17 2024-04-17 5 1 22 38 10.54018/sssrv5n1-002 Induzimento, instigação e auxílio ao suicídio no ambiente virtual a partir da Lei 13.968/2019 https://ojs.studiespublicacoes.com.br/ojs/index.php/sssr/article/view/4468 <p class="referencias">Este ensaio tem como objetivo investigar as nuances do induzimento, instigação e auxílio ao suicídio no ambiente virtual, especificamente analisando as implicações legais decorrentes da Lei 13.968/2019. Procurou-se compreender como as interações online podem influenciar comportamentos suicidas e como a legislação brasileira aborda essas questões, visando fornecer subsídios para a formulação de políticas públicas e estratégias de prevenção. A pesquisa foi conduzida por meio de uma abordagem qualitativa, utilizando-se de análise documental para revisão da literatura acadêmica e legislação pertinente. Além disso, foi realizada uma análise dos casos a fim de compreender como tais situações foram tratadas pelo judiciário brasileiro. Conceitualmente, os crimes de induzimento, instigação ou auxílio ao suicídio no ambiente virtual ganharam relevância com o advento do fenômeno Blue Whale, um desafio online que tinha como última etapa o suicídio do desafiado. Esse fato promoveu alterações no Código Penal brasileiro, trazendo especificidades e atualizações importantes para lidar com situações que envolvem incitação ou auxílio ao suicídio por meio de meios eletrônicos. Esta legislação visou combater práticas nocivas que podem ocorrer em plataformas online, onde indivíduos vulneráveis podem ser influenciados a cometer atos extremos. Nesse sentido, os resultados dessa pesquisa foram o desenvolvimento de uma melhor compreensão da provocação do suicídio na internet, a construção de uma análise mais crítica da atuação dos poderes legislativo e judiciário na prevenção e repressão dessa conduta, assim como o demonstrativo de eficácia das medidas coercitivas existentes. A relevância desta pesquisa se evidencia na crescente utilização das plataformas digitais, que ampliam o alcance e a influência das interações sociais. A análise detalhada da legislação brasileira permitiu identificar lacunas e propor melhorias nas políticas públicas, contribuindo para a criação de um ambiente online mais seguro. A inclusão de estudos de casos reais evidenciou a importância de uma resposta ágil e eficiente do sistema judiciário para prevenir tragédias e oferecer suporte adequado às vítimas. Dessa forma, esta pesquisa não apenas ilumina a complexidade do tema, mas também aponta caminhos para uma atuação mais eficaz e humanizada na proteção dos indivíduos em situação de vulnerabilidade na internet.</p> Rogério da Silva Barbosa Letícia Viviane Miranda Cury Gisele Severino Botelho Copyright (c) 2024 Rogério da Silva Barbosa, Letícia Viviane Miranda Cury, Gisele Severino Botelho 2024-06-07 2024-06-07 5 1 39 57 10.54018/sssrv5n1-003 Editorial https://ojs.studiespublicacoes.com.br/ojs/index.php/sssr/article/view/2172 <p><span style="vertical-align: inherit;"><span style="vertical-align: inherit;">.</span></span></p> Barbara Bonfim Copyright (c) 2024 Barbara Bonfim 2024-01-02 2024-01-02 5 1 01 01