Lúpus Eritematoso Sistêmico: manifestações clínicas

Authors

  • Rafael Caldas Esteves Segato
  • Khauan Henrique da Silva Mendes
  • Bruna Mendonça Silva
  • Rafael Rodrigues de Melo
  • Edson Jose Pereira Júnior
  • Mikaela Aires Martins Ribeiro
  • Thalita Lisboa Cunha
  • Núrya Patielly Teixeira Oliveira
  • Marina Caetano Pimenta
  • Davi Souza Reis
  • Leonardo Vidigal Alves
  • Matheus Eduardo Silva Almeida
  • Raphael Henrique Borges Naves

DOI:

https://doi.org/10.54022/shsv4n3-005

Keywords:

Lúpus Eritematoso Sistêmico, tratamento, manifestações clínicas

Abstract

O Lúpus Eritematoso Sistêmico (LES) é uma doença autoimune crônica que afeta diversos órgãos e sistemas do corpo, incluindo pele, articulações, rins, coração e sistema nervoso. É caracterizado pela produção de anticorpos anormais pelo sistema imunológico, resultando em inflamação crônica e danos aos órgãos. O LES é mais comum em mulheres jovens, e a genética e fatores ambientais desempenham um papel na sua predisposição. Os sintomas variam amplamente e podem incluir fadiga, erupções cutâneas, dor nas articulações e febre. O tratamento envolve o uso de medicamentos imunossupressores, terapias biológicas e medidas de controle dos sintomas. A gestão do LES requer uma abordagem multiprofissional, incluindo médicos, enfermeiros e suporte psicológico. A prevenção se concentra em medidas como proteção solar e cessação do tabagismo. A pesquisa contínua é essencial para aprimorar a compreensão e o tratamento dessa complexa condição médica.

References

Organização Mundial da Saúde. (2021). Lupus eritematoso sistêmico: epidemiologia, diagnóstico e manejo.

Yen, E. Y., Shaheen, M., Woo, J., et al. (2019). 46-Year Trends in Systemic Lupus Erythematosus Mortality in the United States, 1968 to 2013: A Nationwide Population-Based Study. Annals of Internal Medicine, 171(11), 787-789.

Ruiz-Irastorza, G., Danza, A., Khamashta, M. (2019). Glucocorticoid use and abuse in SLE. Rheumatology, 58(1), 18-28.

Cooper, G. S., Parks, C. G., Treadwell, E. L., St. Clair, E. W., Gilkeson, G. S., Dooley, M. A. (2020). Occupational and environmental exposures and risk of systemic lupus erythematosus: Silica, sunlight, solvents. Rheumatology, 59(4), 721-729.

Rovin, B. H., Solomons, N., Pendergraft, W. F., et al. (2016). A randomized, controlled double-blind study comparing the efficacy and safety of dose-ranging voclosporin with placebo in achieving remission in patients with active lupus nephritis. Kidney International, 90(6), 1280-1289.

Published

2023-09-28

How to Cite

Segato, R. C. E., Mendes, K. H. da S., Silva, B. M., de Melo, R. R., Pereira Júnior , E. J., Ribeiro, M. A. M., Cunha, T. L., Oliveira, N. P. T., Pimenta, M. C., Reis, D. S., Alves, L. V., Almeida, M. E. S., & Naves, R. H. B. (2023). Lúpus Eritematoso Sistêmico: manifestações clínicas. STUDIES IN HEALTH SCIENCES, 4(3), 716–727. https://doi.org/10.54022/shsv4n3-005

Most read articles by the same author(s)

1 2 > >>