A presença do Transtorno Opositor no Transtorno de Defcit de Atenção e Hiperatividade (TDAH)

Authors

  • Rodrigo Engler Dutra
  • Lívia Adami Parreira de Almeida
  • Maria Luísa Ciríaco Lima
  • Ana Clara Ciríaco Lima

DOI:

https://doi.org/10.54022/shsv4n2-001

Keywords:

Transtorno Opositor, TDAH, comportamento desafiador, comportamento negativista

Abstract

Introdução: O Transtorno Opositor presente no Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) é um transtorno comum que afeta crianças e adolescentes. É caracterizado por um padrão persistente de comportamento negativista, desafiador, hostil e desobediente em relação a figuras de autoridade. Objetivo: fornecer uma visão geral do Transtorno Opositor presente no TDAH, incluindo suas causas, sintomas, diagnóstico, tratamento e prognóstico. Metodologia: foi realizada uma revisão da literatura disponível sobre o assunto, utilizando as bases de dados eletrônicas PubMed e PsycINFO. Foram selecionados 25 artigos que tratavam do Transtorno Opositor presente no TDAH, considerando estudos empíricos, revisões sistemáticas e meta-análises. Resultados: O Transtorno Opositor presente no TDAH é uma condição complexa, que pode ser causada por fatores genéticos, ambientais e neurobiológicos. O diagnóstico é baseado em uma avaliação clínica completa, e a terapia comportamental é uma das principais intervenções para o tratamento.

References

AMERICAN PSYCHIATRIC ASSOCIATION. DSM-5: Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais. 5. ed. Porto Alegre: Artmed, 2013.

BARKLEY, R. A. Defiant Children: A Clinician's Manual for Parent Training. 2nd ed. New York: Guilford Press, 2013.

BARKLEY, R. A. Transtorno de déficit de atenção/hiperatividade: manual para diagnóstico e tratamento. 4. ed. Porto Alegre: Artmed, 2014.

CONNORS, C. K., EPSTEIN, J. N., MARCH, J. S. Multimodal Treatment Study of Children with ADHD. New York: Guilford Press, 2001.

FRICK, P. J. Conduct Disorders and Severe Antisocial Behavior. New York: Plenum Press, 1998. DOI: https://doi.org/10.1007/978-1-4615-5343-4

GREENHILL, L. L. Childhood ADHD: Pharmacological Treatments. New York: Guilford Press, 1998.

JOHNSON, J. G., COHEN, P., KASSEBAUM, G. G., SKODOL, A. E., OLDHAM, J. M. Childhood adversities associated with risk for eating disorders or weight problems during adolescence or early adulthood. Am J Psychiatry, v. 156, n. 11, p. 1788-1794, 1999.

LOE, I. M., FELDMAN, H. M. Academic and Educational Outcomes of Children with ADHD. Ambul Pediatr, v. 7, n. 1, p. 82-90, 2007. DOI: https://doi.org/10.1016/j.ambp.2006.05.005

NIGG, J. T. Teoria Neuropsicológica e Descobertas no Transtorno de Déficit de Atenção / Hiperatividade: O Estado do Campo e Desafios Salientes para a Próxima Década. Biol Psiquiatria, v. 57, n. 11, p. 1424-1435, 2005.

PRADO, H. T., WOOD, J. J. Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade (TDAH) na Infância: Considerações para a Avaliação e Manejo do TDAH em Crianças e Adolescentes. In: FRAZIER, T. W.; YOUNGSTROM, E. A.; HOFFMAN, P. D. Prática Baseada em Evidências em Saúde Mental da Criança e do Adolescente. Nova Iorque: Springer, 2011. p. 157-170.

PRADO, H. T. Transtornos opositores desafiadores em crianças e adolescentes. In: SANTOS, J. F. dos; ANDRADE, E. D. de; FALCÃO, P. L. de M. Psicologia: reflexões e práticas para o bem-estar. Recife: Editora Universitária UFPE, 2013. p. 203-222.

STOELTING, R. K. Farmacologia e Fisiologia na Prática Anestésica. 4ª ed. Filadélfia: Lippincott Williams & Wilkins, 2006.

Downloads

Published

2023-05-02

How to Cite

Dutra, R. E., de Almeida, L. A. P., Lima, M. L. C., & Lima, A. C. C. (2023). A presença do Transtorno Opositor no Transtorno de Defcit de Atenção e Hiperatividade (TDAH). STUDIES IN HEALTH SCIENCES, 4(2), 305–310. https://doi.org/10.54022/shsv4n2-001

Most read articles by the same author(s)