Dificuldades vivenciadas por familiares para a reinserção social do idoso com transtorno mental

Authors

  • Flávia Maria Barros Lavra
  • Darine Marie Rodrigues da Silva
  • Waldemar Brandão Neto
  • Solange Fátima Geraldo da Costa
  • Betânia da Mata Ribeiro Gomes

DOI:

https://doi.org/10.54022/shsv4n1-019

Keywords:

saúde mental, cuidados de enfermagem, idoso, família

Abstract

Objetivo: analisar as dificuldades vivenciadas por familiares para a reinserção social do idoso com transtorno mental. Materiais e Método: estudo qualitativo fundamentado nos pressupostos do Modelo Calgary de Avaliação Familiar. Tal estudo foi desenvolvido com 16 familiares de idosos portadores de transtorno mental atendidos em um Centro de Atenção Psicossocial II localizado na cidade do Recife. Os dados foram coletados por meio de um diário de campo e de entrevistas semiestruturadas. Com os dados colhidos, foram elaborados genogramas, ecomapas e realizada a análise de conteúdo de Bardin. Resultados: os resultados analisados a partir de análise de conteúdo indicaram dois temas: na fragilidade da família: enfrentando a reinserção social do idoso com transtorno mental; e a experiência nas relações do idoso na família e na sociedade. Conclusões: a situação social do idoso revela a necessidade de discussões mais aprofundadas sobre as relações do idoso na família e na sociedade, de modo a proporcionar benefícios em prol da efetiva reinserção social.

References

IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. População brasileira envelhece em ritmo acelerado. Disponível em: <http://saladeimprensa.ibge.gov.br/noticias?view=noticia&id =1&busca=1&idnoticia=1272&gt. Acesso em: 22 fev 2019.

Ministério da Saúde (BR), Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Atenção Básica. Envelhecimento e saúde da pessoa idosa. Brasília, 2016. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/abcad19.pdf . Acesso em: 16 jun 2018

Santos, Ana Maria Ribeiro dos; Nolêto, Regina Dulce da Silva; Rodrigues, Rosalina Aparecida Partezani; Andrade, Elaine Maria Leite Rangel; Bonfim, Elisiane Gomes; Rodrigues, Tatyanne Silva. Economic-financial and patrimonial elder abuse: a documentar study. Rev Esc Enferm USP. 2019;53:e03417. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S1980-220X2017043803417

Fiorati, Regina Célia; Saekit, Toyoko. O acompanhamento terapêutico na internação hospitalar: inclusão social, resgate de cidadania e respeito à singularidade. Interface. 2008; 12(27):763-772. Acesso em: 07 out 2017.

Brasil. Lei nº 10.216, de 06 de abril de 2001. Dispõe sobre a proteção e os direitos das pessoas portadoras de transtornos mentais e redirecionam o modelo assistencial em saúde mental. Diário Oficial da União. Acesso em: 20 dez 2017.

Ministério da Saúde (BR). Portaria nº 3.088, de 23 de dezembro de 2011. Institui a Rede de Atenção Psicossocial para pessoas com sofrimento ou transtorno mental e com necessidades decorrentes do uso de crack, álcool e outras drogas, no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS). Diário Oficial da União. 2011. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2011/prt3088_23_12_2011_rep.html. Acesso em: 15 jul 2017.

Nunes, Mônica de Oliveira; Júnior, João Mendes de Lima; Portugal, Clarice Moreira; Torrenté, Maurice de. Reforma e contrarreforma psiquiátrica: análise de uma crise sociopolítica e sanitária a nível nacional e regional. Ciência & Saúde Coletiva. 2019;24(12):4489-4498.

Sousa, Moreira Baia Ronaldo de; Takase Gonçalves, Lucia Hisako; Vieira de Oliveira, Marília de Fátima Wright LM, Leahey M. Enfermeiras e famílias: um guia para avaliação e intervenção na família. São Paulo: Roca; 2012.

Bousso, Regina Szylit. A teoria dos sistemas familiares como referencial para as pesquisas com famílias que experienciam a doença e a morte. Rev Min Enferm. 2008;12(2):257-261.

Ângelo, Margareth. Abrir-se para a família: superando desafios. Fam. Saúde Desenv. Curitiba. 1999;1(1/2):7-14.

Andrade, Ana Paula Müller; Maluf Sônia Weidner. De-institutionalization experiences in the Brazilian psychiatric reform: a gender approach. Interface. 2017; 21(63):811-21.

Baia, Ronaldo de Sousa Moreira; Gonçalves, Lúcia Hisako Takase; Oliveira, Maria de Fátima Vieira de. (2014). Wright LM, Leahey M. Enfermeiras e famílias: guia para avaliação e intervenção na família. 5ª ed. São Paulo (SP): Roca; 2012. Rev René, 15 (5). Extraído de http://www.periodicos.ufc.br/rene/article/view/3271.

Ângelo, Margareth; Bousso, Regina Szylit; Rossato, Lisabelle Mariano; Damião, Elaine Buchhorn Cintra; Silveira, Aline Oliveira; Castilho, Ana Márcia C. Mendes; et al. Família como categoria de análise e campo de investigação em enfermagem. Rev Esc Enferm, 2009; 43(n. esp.):1337-1341.

Silva, Lúcia; Bousso, Regina Szylit; Galera, Sueli Aparecida Fran. Aplicação do Modelo Calgary para avaliação de famílias de idosos na prática clínica. Rev Bras Enferm. 2009;62(4):530-4.

Bardin, Laurence. Análise de Conteúdo. Tradução: Luís Augusto Pinheiro. São Paulo: Edições 70, 2016.

Trapp, Edgar Henrique Hein; Figueiredo, Joyce de Oliveira; Georgette, Roberta da Silva. Inclusão social do idoso: fatores relevantes e a atuação do psicólogo. Revista Kairós Gerontologia. 2016;19(n. espec. 22):295310.

Marin, Maria José Sanches; Lorenzetti, Débora; Chacon, Miguel Cláudio Moriel; Polo, Mariana Colbachini; Martins, Vinicius Spazzapan; Moreira, Simone Alves Cotrin. As condições de vida e saúde de pessoas acima de 50 anos com deficiência e seus cuidadores em um município paulista. Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia. 2013;16(2):365-374.

Silva, Andrey Ferreira da; Florencio, Raíssa Millena Silva; Queiroz, Aline Macedo de; Santos, Elizângela de Morais, et al. Acolhimento à pessoa em sofrimento mental na atenção básica. Rev enferm UFPE on line. 2018;12(9):2459-69.

Almeida, Edivana; Mourão, Isabel; Coelho, Eduarda. Saúde mental em idosos Brasileiros: efeito de diferentes programas de atividade física. Psicologia, Saúde & Doenças. 2018;19(2):390-404.

Clemente, Adauto Silva; Filho, Antônio Ignácio Loyola; Firmo, Josélia Oliveira Araújo. Concepções sobre transtornos mentais e seu tratamento entre idosos atendidos em um serviço público de saúde mental. Cadernos de Saúde Pública. 2011; 27(3):555-564.

Vasconcelos, Eduardo Mourão; Rosa, Lúcia Cristina dos Santos; Pereira, Ivana Carla Garcia; Bisneto, José Augusto. Saúde mental e serviço social: o desafio da subjetividade e da interdisciplinaridade. 5ª ed. São Paulo: Cortez; 2013.

Dias, Maria Berenice. Manual de Direito das Famílias. 14ª ed. São Paulo: Juspodivm; 2021.

Silva, Rosane Seeger da; Fedosse, Elenir; Pascotini, Fernanda dos Santos; Riehs, Estefânia Brunelli. Condições de saúde de idosos institucionalizados: contribuições para ação interdisciplinar e promotora de saúde. Cad. Bras. Ter. Ocup., São Carlos, v. 27, n. 2, p. 345-356, 2019.

Marin, Maria José Sanches; Maftum Mariluci Alves; Lacerda, Maria Ribeiro. Elderly people with mental disorders: experiencing the use of psychotropic medicines. Rev Bras Enferm. 2018;71(suppl 2):835-43.

Brasil. Lei nº 10.406, de 10 de janeiro de 2002. São Paulo: Revista dos Tribunais, Art.1.591 e Art.1.594, 2002.

Monteiro, Gicely Regina Sobral da Silva; Moraes, Janaine Chiara Oliveira; Costa Solange Fátima Geraldo da; Gomes, Betânia da Mata Ribeiro; França, Inácia Sátirto Xavier de França; Oliveira, Regina Célia. Aplicación del Modelo Calgary de Evaluación Familiar en el contexto hospitalario y en la atención primaria a la salud. Revisión integradora. Aquichan. 2016;16(4):487-500. Disponível em: https://aquichan.unisabana.edu.co/index.php/aquichan/article/view/4514. Acesso em: 15 out 2020.

Downloads

Published

2023-03-21

How to Cite

Lavra, F. M. B., da Silva , D. M. R., Brandão Neto, W., da Costa , S. F. G., & Gomes, B. da M. R. (2023). Dificuldades vivenciadas por familiares para a reinserção social do idoso com transtorno mental. STUDIES IN HEALTH SCIENCES, 4(1), 179–194. https://doi.org/10.54022/shsv4n1-019