Exigência de lisina digestível de frangos de corte machos de 1 a 21 dias de idade

Authors

  • Vinícius Camargo Caetano

DOI:

https://doi.org/10.54020/seasv5n1-001

Keywords:

aminoácidos, avicultura, nutrição, proteína ideal, rendimento de carcaça

Abstract

O objetivo deste estudo foi determinar a exigência de lisina digestível para frangos de corte machos sob as características de desempenho, composição corporal e rendimento de carcaça dos animais, de 1 a 21 dias de idade. As dietas diferiram quanto aos níveis de lisina digestível, mantendo-se a relação dos demais aminoácidos com a lisina. Foram utilizados seis níveis de lisina digestível: 1,03; 1,13; 1,23; 1,32; 1,42; e 1,52%. Distribuídos em 36 unidades experimentais de 36 aves cada, 1296 animais da linhagem Cobb – 500® tiveram as seguintes características de desempenho avaliadas: consumo de ração (CR), peso corporal (PC), ganho de peso (GP), conversão alimentar (CA) e viabilidade criatória (VC). Aos 21 dias de idade, foram selecionadas ao acaso cinco aves para avaliação do rendimento de carcaça, e duas para avaliação da composição corporal. Os dados foram submetidos à análise de variância, e havendo diferenças significativas as médias foram comparadas pelo teste de Tukey. A estimativa da exigência de lisina digestível foi realizada utilizando-se modelos de regressão linear ou quadrática. A conversão alimentar foi influenciada, sendo sua exigência maior que para ganho de peso (1,328%), com valor de 1,374%. A lisina digestível não influenciou o rendimento de carcaça neste período, porém, apresentou-se diferenças na deposição proteica na carcaça, com melhores níveis à 1,305%. Níveis maiores que as recomendações conhecidas em âmbito nacional de lisina digestível (1,324%) trouxeram benefícios aos animais sobre conversão alimentar e ganho de peso.

References

ASSOCIATION OF OFFICIAL ANALYTICAL CHEMISTS – AOAC. Official methods of analysis. 11. ed. Washington, DC.: Association of Official Analytical Chemists, 1996. p.1051, 1996.

BAKER, D.H. et. al. Ideal ratio (relative to lysine) of tryptophan, threonine, isoleucine, and valine for chicks during the second and third weeks posthatch. Poultry Science, v.81, p.485-494, 2002.

BELLAVER, C. et al. Estimativas das exigências de energia e lisina metabolizáveis em frangos de corte de 1 a 21 dias de idade. In: REUNIÃO ANUAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ZOOTECNIA, Porto Alegre, 1999. Anais... Porto Alegre: SBZ, 1999.

BELLAVER, C. et al. Estimativas das exigências de lisina e de energia metabolizável em frangos de corte de 1 a 21 dias de idade, utilizando-se uma variável multivariada canônica. Revista Brasileira de Zootecnia, v. 31, n. 1, p.71-78, 2002.

BERNAL, L. E. P. et al. Digestible Lysine Requirements of Broilers. Brazilian Journal of Poultry Science, v.16, n.1, 2014.

BRITO, C. O.et al. Effect of dietary lysine on performance and expression of electron transport chain genes in the pectoralis major muscle of broilers. Animal (Cambridge. Print), v. 1, p. 1-6, 2016.

COSTA, F. G. P. et al. Níveis dietéticos de lisina para frangos de corte de 1 a 21 e 22 a 40 dias de idade. Revista Brasileira de Zootecnia, v.30, p.1490-497, 2001.

D'MELLO, J. P. F. Responses of growing poultry to amino acids. In: D'Mello JPF, editor. Amino acids in animal nutrition. 2.ed. New York: CAB International; 2003. p.237-260.

EITS, R. M., KWAKKEL, R. P.; VERSTEGEN, M.W.A. Nutrition affects fat-free body Composition in broiler chickens. Journal of Nutrition, v.132, p.2222-2228, 2002.

EL-BAHR, S.M. et al. Enrichment of Broiler Chickens’ Meat with Dietary Linseed Oil and Lysine Mixtures: Influence on Nutritional Value, Carcass Characteristics and Oxidative Stress Biomarkers. Foods, p. 618, v. 10, 2021.

FARIA FILHO, D.E. et al. Dietas de baixa proteína no desempenho de frangos de corte criados em diferentes temperaturas. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v. 41, n.1, p.101-106, 2006.

FARIDI, A.; GITOEE, A.; FRANCE, J. Evaluation of the effects of crude protein and lysine on the growth performance of two commercial strains of broiler using meta-analysis. Livestock Science, v. 181, p. 77-84, 2015.

FULLER, M. F.; WANG, T. C. Digestible ideal protein – a meansure of dietary protein value. Pig News Information, v.11, n.3, p. 353-357, 1990.

GHAHRI, H.; GAYKANI, R.; TOLOIE, T. Effect of dietary crude protein level on performance and lysine requirements of male broiler chickens. African Journal of Agricultural Research, V. 5, n.11, p. 1228-1234, 2010.

GOULART, C. C. et al. Exigência de lisina digestível para frangos de corte machos de 1 a 42 dias de idade. Revista Brasileira de Zootecnia, v.37, n.5, p.876-882, 2008.

MENDES, A. A. et al. Efeitos da Energia da Dieta sobre Desempenho, Rendimento de Carcaça e Gordura Abdominal de Frangos de Corte. Revista Brasileira de Zootecnia, v. 33, n. 6, p. 2300-2307, 2004.

MOUSA, M.A. et al. Impacts of Dietary Lysine and Crude Protein on Performance, Hepatic and Renal Functions, Biochemical Parameters and Histomorphology of Small Intestine, Liver and Kidney in Broiler Chickens. Vet. Sci., p. 98, v. 10, 2023.

NRC – National Research Council, Nutrient requirements of poultry. Washington: National Academy Press, 9th revised ed., 1994.

QUEIROZ, M. L. V.; BARBOSA FILHO, J. A. D.; VIEIRA, F. M. C. Guia prático para a utilização de tabelas de entalpia. Núcleo de Estudos em Ambiência Agrícola e Bem-estar Animal (NEAMBE). 2012. Disponível em: <http://www.neambe.ufc.br/index_downloads>. Acesso em: 5 de abril 2017.

ROSTAGNO, H. S. et al. Tabelas brasileiras para aves e suínos: composição de alimentos e exigências nutricionais. 3. ed. – Viçosa, MG: UFV, DZO, 2011, 252p.

ROSTAGNO, H. S. et al. Tabelas brasileiras para aves e suínos: composição de alimentos e exigências nutricionais. 4. ed. – Viçosa, MG: UFV, DZO, 2017, 488p.

SAKOMURA, N. K.; ROSTAGNO, H. S. Métodos de pesquisa em nutrição de monogástricos. 1. Ed. Jaboticabal: FUNEP, 2007, 283p.

STATISTICAL ANALYSIS SYSTEM – SAS. user's Guide: statistics. Cary: SAS Institute, 2004. (CD ROM)

SIQUEIRA, J. C. et al. Diet formulation techniques and lysine requirements of 1- to 22-day-old broilers. Revista Brasileira de Ciência Avícola, v. 15, n.2, p. 123-134, 2013.

SUMMERS, J. D.; SPRATT, D.; ATKINSON, J. L. Broiler weigth gain and carcass composition when fed diets varying in amino acid balance, dietary energy, and protein level. Poultry Science, v.71, n.2, p.263-271, 1992.

Published

2024-03-06

How to Cite

Caetano, V. C. (2024). Exigência de lisina digestível de frangos de corte machos de 1 a 21 dias de idade. STUDIES IN ENVIRONMENTAL AND ANIMAL SCIENCES, 5(1), e3029. https://doi.org/10.54020/seasv5n1-001