Pessoa com deficiência intelectual e o seu processo de envelhecimento: uma revisão sistemática da literatura

Authors

  • Marliese Christine Simador Godoflite
  • Rosane Barbosa
  • Deise Claudiane Rodrigues Antunes
  • Sumaia Fey
  • Ìgor de Oliveira Lopes
  • Maristela Cassia de Oliveira Peixoto
  • Denise Bolzan Berlese
  • Geraldine Alves dos Santos

DOI:

https://doi.org/10.54033/cadpedv21n6-022

Keywords:

Envelhecimento, Pessoa com Deficiência Intelectual, Pessoa com Deficiência, Inclusão Social

Abstract

As pessoas apresentam uma série de diferenças, particularidades e singularidades. Frente às pessoas com deficiência, somos provocados a refletir acerca do protagonismo de pessoas jovens, adultas e idosas, sobre as quais recai o preconceito. O envelhecimento é uma fase natural, com ritmos e tempos muito particulares. O objetivo deste estudo de revisão sistemática foi conhecer as produções científicas que tratam da percepção da pessoa com deficiência intelectual e sobre o seu processo de envelhecimento. Foi realizada uma busca em 4 plataformas. Como descritores utilizou-se envelhec* AND pessoa com deficiência intelectual. Foram incluídos resumos, artigos, dissertações e teses nos últimos 8 anos (2015-2022). Este estudo revelou o tensionamento das lógicas de protagonismo de pessoas com deficiência intelectual em processo de envelhecimento, capazes e autônomas. Percebe-se entre os artigos que os profissionais e os familiares falam pelas pessoas com deficiência. Apenas em uma das pesquisas encontramos informações respondidas pelas próprias pessoas com deficiência intelectual relatando sobre as suas percepções sobre o seu processo de envelhecimento. Consequentemente, este é um limitador da pesquisa, pois existem poucos estudos sobre as falas das pessoas com deficiência, sobre si mesmos. É necessário ver a pessoa com deficiência intelectual como sujeito de direito, que pode falar de si e ressignificar os espaços para que tenham voz, vez e equidade de oportunidades. As pessoas com deficiência podem apresentar dificuldades para a compreensão de ideias abstratas, o estabelecimento de relações sociais e a realização de atividades cotidianas, mas isso não significa que não possam ser protagonistas em seu processo de escolhas e envelhecimento. Precisamos ouvir as pessoas com deficiência e caberá aos pesquisadores, educadores e especialistas o trabalho constante de compreender os sutis vieses ideológicos, abordar essas e outras questões, além de trazer uma proposta de sociedade em que a criação de equidade de oportunidades e a promoção da dignidade humana passem a ser tidos como prioridades para as pessoas com deficiência.

References

APAE BRASIL. Federação Nacional das Apaes. Disponível em: https://apaebrasil.org.br/. Acesso em: 16 out. 2022.

AAIDD. Asociación Americana de Discapacidades Intelectuales y Del Desarrollo. Defining criteria for intelectual disability. Disponível em: https://www.aaidd.org/intellectual-disability/definition. Acesso em: 12 jun. 2023.

BOTH, Agostinho. Escola e currículo: para uma pedagogia da qualidade de vida e da velhice ativa. In: CASARA, Miriam B.; CORTELLETTI, Ivonne A.; BOTH, Agostinho. Educação e envelhecimento humano. Caxias do Sul: Educs, 2006. p. 31-44.

BRASIL. Lei 13.146 -Lei Brasileira de Inclusão. 6 de julho de 2015. 2015. 101p.

CAVALHEIRO, Esper Abrão; SCORZA, Carla Alessandra. Envelhecimento e deficiência intelectual. Revista de Deficiência Intelectual, São Paulo, v. 1, n. 1, p. 26-29, jul./dez. 2010. Disponível em: https://ijc.org.br/pt-br/sobre-deficiencia-intelectual/publicacoes/PublishingImages/revista-di/artigos_pdf/DI-N1.pdf. Acesso em 17 jun 2023.

COSTA, Antônio Carlos Gomes da. Afetividade e sexualidade na educação: um novo olhar. Belo Horizonte: Fundação Emílio Odebrecht, Projeto de Educação Afetivo-Sexual em Escolas da Rede Pública Estadual de Belo Horizonte, Secretaria de Estado da Educação de Minas Gerais, 1998. 251p.

ESCÁMEZ, Juan; GIL, Ramón. O Protagonismo na educação. Tradução de Magda Schwartzhaupt Chaves. Porto Alegre: Artmed, 2003. 127p.

FREITAS, Victor dos Santos; NAIFF, Luciene Alves Miguez. Representações Sociais sobre Envelhecer com Deficiência: Um Estudo com Famílias. Estudos Interdisciplinares sobre o Envelhecimento, Porto Alegre, v. 26, n. 1, p. 9-26, 2021. https://doi.org/ 10.22456/2316-2171.77280. DOI: https://doi.org/10.22456/2316-2171.77280

GIRARDI, Mirtha; PORTELLA, Marilene Rodrigues; COLUSSI, Eliane Lucia. O envelhecimento em deficientes intelectuais. Revista Brasileira de Ciências do Envelhecimento Humano, v. 9, n. supl., 2012. p.79-89. https://doi.org/10.5335/rbceh.2012.2799 DOI: https://doi.org/10.5335/rbceh.2012.036

HAMMERSCHMIDT, Karina Silveira de Almeida et al. Idoso com Deficiência Intelectual: Envelhecimento, Deficiência, Ensino e Reabilitação. Revista Brasileira De Ciências Do Envelhecimento Humano, v. 17, n. 2, 2020a. https://doi.org/10.5335/rbceh.v17i2.12036 DOI: https://doi.org/10.5335/rbceh.v17i2.12036

HAMMERSCHMIDT, Karina Silveira de Almeida, et al. Percepção dos Profissionais de Educação sobre o Envelhecimento da Pessoa com Deficiência Intelectual. Revista Brasileira De Ciências Do Envelhecimento Humano, v. 17, n. 2. 2020b. https://doi.org/10.5335/rbceh.v17i2.12038 DOI: https://doi.org/10.5335/rbceh.v17i2.12038

JACINTO, Alessandro Ferrari; CITERO, Vanessa de Albuquerque. Envelhecimento populacional: Aspectos Demográficos e Clínicos. In: GUILHOTO, Laura Maria de Figueiredo Ferreira (Org.); MERLIN, Cynthia Helena (Coord.). Envelhecimento e Deficiência Intelectual: uma emergência silenciosa. 2. ed. rev. e ampl. São Paulo: Instituto APAE de São Paulo, 2013. p. 21-37.

LOPES, Maura Corcini; FABRIS, Eli Terezinha Henn. Inclusão e Educação. Belo Horizonte: Autêntica, 2013.

RESSUREICAO, Kamila Santos. Síndrome de Donw: Perfil Antoprométrico e de Aptidão Física no Envelhecimento. Tese (Doutorado) – Universidade Presbiteriana Mackenzie. Programa Distúrbios do Desenvolvimento (33024014009P3). São Paulo/São Paulo. 2020. p. 97.

SILVA, Rosane Seeger da. O Processo de Envelhecimento da Pessoa com Deficiência Intelectual e sua Família. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal de Santa Maria, Centro de Educação Física e Desportos, Programa de Pós-Graduação em Gerontologia. Santa Maria/RS. 2016. 135p.

SOARES, Alessandra Miranda Mendes; CARVALHO, Maria Eulina Pessoa. Ser Mãe de Pessoa com Deficiência: do Isolamento à Participação Social. In: Seminário Internacional Fazendo Gênero 11 & 13th Women’s Worlds Congress (Anais Eletrônicos), Florianópolis, 2017, ISSN 2179-510X. p. 1-15.

WOSIACK, Raquel Maria Rossi et al. Aposentadoria e qualidade de vida durante o processo de envelhecimento bem-sucedido de pessoas idosas residentes no município de Ivoti/RS. In: SANTOS, Geraldine Alves dos et al. (Orgs.). Desenvolvimento ao longo da vida [recurso eletrônico]:estudos sobre o processo de envelhecimento bem-sucedido. Nova Xavantina, MT: Pantanal, 2020. p. 8- 18. DOI: https://doi.org/10.46420/9786588319192cap1

Published

2024-06-03

How to Cite

Godoflite, M. C. S., Barbosa, R., Antunes, D. C. R., Fey, S., Lopes, Ìgor de O., Peixoto, M. C. de O., Berlese, D. B., & Santos, G. A. dos. (2024). Pessoa com deficiência intelectual e o seu processo de envelhecimento: uma revisão sistemática da literatura. Caderno Pedagógico, 21(6), e4687. https://doi.org/10.54033/cadpedv21n6-022

Issue

Section

Articles