Identificação de vestígios de falhas no procedimento executivo de revestimento de piso com placas cerâmicas sob a égide de peritos da Engenharia Legal

Authors

  • Flaviany Luise Nogueira de Sousa
  • Nuria Pérez Gallardo
  • Antonio Carlos Santos do Nascimento Passos de Oliveira
  • Lygia Maria Policarpio Ferreira
  • Tamara Daiane de Souza
  • Múcio André dos Santos Alves Mendes
  • Karlos Henrique Mota Costa
  • Fernanda Carla Lima Ferreira

DOI:

https://doi.org/10.54033/cadpedv21n5-043

Keywords:

Perícia, Patologias, Revestimento Cerâmico, Engenharia Legal

Abstract

Na engenharia, o sistema de revestimento cerâmico está entre os mais empregados na Construção Civil, devendo, entre tantas outras funções, garantir a impermeabilidade dos ambientes na edificação e fornecer um acabamento estético. Contudo, as causas de falhas de patologias nesse tipo de sistema estão relativamente ligadas à execução do revestimento. Desse modo, com as técnicas de investigação sendo aprimoradas, surge a engenharia investigativa, cujo foco é voltado para a apuração destas falhas construtivas. Nesse viés, o presente trabalho teve como objetivo aplicar um questionário em ambiente virtual, de maneira a coletar informações acerca do procedimento executivo de perícias em revestimento em sistema de revestimento de piso com placas cerâmicas. Para a pesquisa, foram utilizados quatorze peritos, entre servidores públicos e peritos particulares. Para a coleta das informações, elaborou-se um questionário de entrevista do tipo qualitativa e estruturada, a qual foi dividida em duas partes. A primeira parte teve como intuito obter dados sociodemográficos a respeito da atuação dos peritos. A segunda parte foi composta de cinco questões dissertativas, envolvendo o tema trabalhado. Para a discussão dos resultados, foi realizada a comparação entre as informações fornecidas pelos peritos e a literatura e as normas vigentes no país. Os resultados e discussões da pesquisa indicaram que os respondentes, profissionais da engenharia legal, embora não citassem as normativas ou doutrinas, apresentaram conhecimento que, de certa forma, estava de acordo com as regulamentações. Ainda, o uso do ambiente virtual se mostrou ser uma  alternativa viável, de maior praticidade para se obter respostas de profissionais de diferentes localidades no país.

References

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 13749: Revesti-mento de paredes e tetos de argamassas inorgânicas - Especificação. Rio de Janeiro: 1996a.

_______. NBR 13753: Revestimento de piso interno ou externo com placas cerâmicas e com utilização de argamassa colante – procedimento. Rio de Janeiro, 1996b.

_______. NBR 15575-1: Edificações habitacionais – Desempenho. Parte 1: Requisitos gerais. Rio de Janeiro, 2013a.

_______. NBR 15575-3: Edificações habitacionais – Desempenho. Parte 3: Requisitos para os sistemas de pisos. Rio de Janeiro, 2013b.

AZEVEDO, M. T. et al. Concreto: Ciência e Tecnologia. São Paulo: Ibracon, 2011. 1902p, v.2, 2011.

BERTOLINI, L.; HELENE, P. Materiais de Construção: Patologia, Reabilitação e Prevenção. São Paulo: Oficina de Textos, 2010.

FALCÃO BAUER, R. J.; RAGO, F. Expansão por Umidade de Placas Cerâmicas para Revestimento. Cerâmica Industrial, n. 5, v. 3, p. 41-45, mai./jun. 2000. Disponível em: < https://www.ceramicaindustrial.org.br/article/587657067f8c9d6e028b4625/pdf/ci-5-3-587657067f8c9d6e028b4625.pdf>. Acesso em: 02 de Fevereiro de 2024.

GERHARDT, T. E.; SILVEIRA, D. T. Métodos de pesquisa. 1. Ed. Porto Alegre: Editora da UFRGS, 2009.

HELENE, P. R. L. Manual Prático para Reparo e Reforço de Estruturas de Concreto. São Paulo: Pini, 1988.

LUDKE, M.; ANDRÉ, M. E. D. A. Pesquisa em educação: Abordagens quali-tativas. São Paulo, SP: Epu, 1986.

OLIVEIRA, J. A. C.; PANTOJA, J. C.; COSTA, W. C. Estudo de caso de patologias em revestimentos cerâmicos. Brazilian Journal of Development, v. 6, n. 8, p. 60555-60582, 2020. DOI: <10.34117/bjdv6n8-465>. Acesso em: 02 de fevereiro de 2024. DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n8-465

PASCHOARELLI, L. C.; MEDOLA, F. O.; BONFIM, G. H. Características Qualitativas, Quantitativas e Qualiquantitativas de Abordagens Científicas: estudos de caso na subárea do Design Ergonômico. Revista de Design, Tecnologia e Sociedade, v. 1, n. 2, 2015. Disponível em: <https://periodicos.unb.br/index.php/design-tecnologia-sociedade/article/view/15699>. Acesso em: 02 de março de 2024.

SANTOS, Y. M. Análise de patologias de pisos cerâmicos: Um estudo de caso. Boletim do Gerenciamento, v. 10, n. 10, p. 31-42, dez. 2019. Disponível em: <https://nppg.org.br/revistas/boletimdogerenciamento/article/view/260>. Acesso em: 14 de março de 2024.

SARAIVA, I. E. C. et al. Manifestações patológicas em revestimentos cerâmicos de fachadas: Uma revisão bibliográfica. IOSR Journal of Mechanical and Civil Engineering, v. 18, n. 3, mai./jun. 2021. DOI: < https://doi.org/10.9790/1684-1803030109>. Acesso em: 04 de março de 2024.

SILVA, L. S.; OLIVEIRA, G. S.; SALGE, E. H. C. N. Entrevista na pesquisa em educação de abordagem qualitativa: algumas considerações teóricas e práticas. Revista Prisma, Rio de Janeiro, v. 2, n. 1, p. 110-122, 2021. Disponível em: < https://revistaprisma.emnuvens.com.br/prisma/article/view/46>. Acesso em: 14 de março de 2024.

VIEIRA, M. A. Patologias construtivas: conceito, origens e método de tratamento. Revista Especialize On-line IPOG, v.1, n.12, 12. ed., 2016. Disponível em: . Acesso em: 10 jun. 2022.

Published

2024-05-08

How to Cite

Sousa, F. L. N. de, Gallardo, N. P., Oliveira, A. C. S. do N. P. de, Ferreira, L. M. P., Souza, T. D. de, Mendes, M. A. dos S. A., Costa, K. H. M., & Ferreira, F. C. L. (2024). Identificação de vestígios de falhas no procedimento executivo de revestimento de piso com placas cerâmicas sob a égide de peritos da Engenharia Legal. Caderno Pedagógico, 21(5), e3955. https://doi.org/10.54033/cadpedv21n5-043

Issue

Section

Articles