Diretrizes da Sustentabilidade no Planejamento dos Institutos Federais de Educação na Amazônia Brasileira

Authors

  • Valdiney Ferreira de Almeida
  • Maria Olívia de Albuquerque Ribeiro Simão
  • Karina de Oliveira Milhomem
  • Afonso Vieira
  • Graciele Bianquim de Almeida
  • Valmir Ramalho Barbosa
  • Marcelo Limont
  • Camilo Yunes Neto

DOI:

https://doi.org/10.54033/cadpedv21n5-172

Keywords:

Benchmarking, A3P, Sistema de Gestão Ambiental, Universidades, Efetividade

Abstract

A problemática ambiental advinda da crise civilizatória e marcada pelo uso exacerbado de bens e recursos naturais tem alinhado cada vez mais as instituições de ensino superior (IES) a repensar seu papel educacional rumo à integração para o desenvolvimento sustentável pelas suas ações de gestão ambiental (GA) assim como a postura que deve ser tomada pela gestão na adoção de ferramentas de avaliação de sustentabilidade, como o UI GreenMetric World University Ranking. Estas instituições têm papel preponderante enquanto organizações sociais na formação daquele que atua e atuará como crítico e tomador de decisões no ambiente que vivemos. A sustentabilidade em IES revela traçados no âmbito educacional, na preparação e inclusão da comunidade acadêmica, na construção de conhecimento e práticas de GA aplicadas às atividades acadêmicas e administrativas. A maximização da sustentabilidade pelas IES é necessária, ainda mais na região amazônica que está próxima do seu ponto de não retorno, o que gerará impactos locais e globais. Com o intuito de orientar dos Institutos Federais (IFs) e IES, este artigo analisou o processo de planejamento para a sustentabilidade dos IFs na Amazônia brasileira através de análise documental. Os resultados apontam que há similaridade parcial de estrutura, organização e de planejamento. Contudo, suas ações de GAs não são sistêmicas, e executam ações pontuais, o que as distanciam de potencial integração, entrada e execução às ferramentas de GA, necessitando de diretrizes que integrem a sustentabilidade em seu planejamento, nos documentos institucionais, infraestrutura setorial, adesão à ferramentas, no fazer benchmarking e formação de rede. Estes resultados são úteis para evidenciar potencialidades e limitações institucionais, contribuindo à sustentabilidade integrada.

References

ALMEIDA, V. F. Ambientalização das Instituições de Ensino Superior: realidades e potencialidades da A3P no Instituto Federal do Amazonas. Dissertação (Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia) – Universidade Federal do Amazonas, 2020. Disponível em: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/7710. Acesso em: jun/2022.

ÁVILA, V.; FILHO, W. L.; BRANDLIN, L. et al. Barriers to innovation and sustainability at universities around the world. Journal of Cleaner Production, v. 164, p. 1268-1278, 2017. Disponível em: https://doi.org/10.1016/j.jclepro.2017.07.025. Acesso em: out/2022. DOI: https://doi.org/10.1016/j.jclepro.2017.07.025

BARDIN, L. Análise de Conteúdo. Lisboa, Portugal; Edições 70, LDA, 2009.

BRANDLI, L.; FRANDOLOSO, M. A. L.; FRAGA, K. T. et al. Avaliação da presença da sustentabilidade ambiental no ensino dos cursos de graduação da universidade de passo fundo. Avaliação, Campinas; Sorocaba, SP, v. 17, n. 2, p. 433-454, jul. 2012. Disponível em: https://periodicos.uniso.br/avaliacao/article/view/763/776. Acesso em: jun/2022. DOI: https://doi.org/10.1590/S1414-40772012000200008

CRESWELL, J. W. Projeto de Pesquisa: métodos qualitativo, quantitativo e misto. 3ª ed. – Porto Alegre: Artmed, 2010. 296p.

CALDER, W.; CLUGSTON, R. M. International efforts to promote higher education for sustainable development. Planning for Higher Education 31, 30e44, 2003. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/265108977_International_Efforts_to_Promote_Higher_Education_for_Sustainable_Development. Acesso em: jun/2022.

DUARTE, M. R. B.; CAMPOS, G. P.; LUNKES, R. J. et al. Plano de Desenvolvimento Institucional: um estudo em universidades nacionais e internacionais. XIX Colóquio Internacional de Gestão Universitária. Universidade e Desenvolvimento sustentável: desempenho acadêmico e os desafios da sociedade contemporânea. Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. 25, 26 e 27 novembro 2019. ISBN: 978-85-68618-07-3. Disponível em: https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/201943. Acesso em: jun/2023.

FILHO, H. P.; OLIVEIRA, F. C. Benchmarking, isomorfismo mimético e boas práticas de gestão: oportunidades para o Poder Judiciário brasileiro. ENAPG, ANPAD, Vitória/ES, 2010. Disponível em: https://arquivo.anpad.org.br/eventos.php?cod_evento=&cod_evento_edicao=54&cod_edicao_subsecao=641&cod_edicao_trabalho=12701. Acesso em: set/2023.

GALLELI, B.; TELES, N. E. B.; SANTOS, J. A. R. et al. Sustainability university rankings: a comparative analysis of UI green metric and the times higher education world university rankings. International Journal of Sustainability in Higher Education, Vol. 23, n. 2, 2022, pp. 404-425. Disponível em: https://doi.org/10.1108/IJSHE-12-2020-0475. Acesso em: set/2023. DOI: https://doi.org/10.1108/IJSHE-12-2020-0475

GATTI, L. V.; BASSO, L. S.; MILLER, J. B. et al. Amazonia as a carbon source linked to deforestation and climate change. Revista Nature, v. 595, p. 388–393, 2021. Disponível em: https://www.nature.com/articles/s41586-021-03629-6. Acesso em: set/2023. DOI: https://doi.org/10.1038/s41586-021-03629-6

GRAEDEL, T. Quantitative sustainability in a college or university setting, International Journal of Sustainability in Higher Education, Vol. 3, n.º 4, pp. 346-358, 2002. Disponível em: https://www.emerald.com/insight/content/doi/10.1108/14676370210442382/full/html?skipTracking=true. Acesso em: jul/2021. DOI: https://doi.org/10.1108/14676370210442382

GreenMetric. UI GreenMetric World University Ranking. Disponível em: https://greenmetric.ui.ac.id/publications/guidelines/2018/portugese. Acesso em: out/2022.

GUERRA, A. F. S. Ambientalização e Sustentabilidade nas Universidades: subsídios, reflexões e aprendizagens. 1ª edição, 2015. Editora UNIVALE, 2015. Disponível em: https://www.univali.br/vida-no-campus/editora-univali/e-books/Documents/editora-univali/Ambientaliza%C3%A7%C3%A3o%20e%20Sustentabilidade%20nas%20Universidades.pdf. Acesso em: out/2023.

GUERRA, A. F. S.; FIGUEIREDO, M. L. Caminhos e Desafios para a Ambientalização Curricular nas Universidades: panorama, reflexões e caminhos da tessitura do Programa Univali Sustentável. In: RUSCHEINSKY, A. et al. Ambientalização nas instituições de educação superior no Brasil: caminhos trilhados, desafios e possibilidades. São Carlos: EESC/USP, 2014. p. 145-164. São Carlos, SP: EESC/USP, 2014.

GUIMARÃES, C. S.; BONILLA, S. H. Gestão ambiental em universidades sustentáveis e a importância do greenmetric. IX Congresso Brasileiro de Gestão Ambiental C0NGEA, São Bernardo do Campo/SP, 2018. Disponível em: https://www.ibeas.org.br/congresso/Trabalhos2018/I-007.pdf. Acesso em: out/2022.

IMAZON. Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia. IPS. Disponível em: https://imazon.org.br/publicacoes/ips-amazonia-2023/. Acesso em set/2023.

LAMBRECHTS, W. MULA, I.; CULEMANS, k. et al. The integration of competences for sustainable development in higher education: an analysis of bachelor programs in management. Journal of Cleaner Production, 48, pp. 65-73. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1016/j.jclepro.2011.12.034. Acesso em: out/2022. DOI: https://doi.org/10.1016/j.jclepro.2011.12.034

LOZANO, R. A tool for a Graphical Assessment of Sustainability in Universities (GASU). Journal of cleaner production, 14(9), 963-972, 2006. Disponível em https://doi.org/10.1016/j.jclepro.2005.11.041. Acesso em: set/2021. DOI: https://doi.org/10.1016/j.jclepro.2005.11.041

LOZANO, R.; LUKMAN, R.; LOZANO, F. J. et al. Declarations for sustainability in higher education: becoming better leaders, through addressing the university system. Journal of Cleaner Production, v.48, 10-19, 2013. Disponível em https://www.researchgate.net/publication/251624210_Declarations_for_sustainability_in_higher_education_Becoming_better_leaders_through_addressing_the_university_system. Acesso em: out/2022. DOI: https://doi.org/10.1016/j.jclepro.2011.10.006

MALHEIROS, T. F.; ESPINOSA, D. C. R.; FERNANDEZ, F. R. B. et al. Universidades rumo à sustentabilidade. Editores: Tadeu Fabrício Malheiros – São Paulo: SGA/USP, 2019. Disponível em: https://www.fearp.usp.br/images/livro_univ_rumo_sustentab_final_5.pdf. Acesso em: nov/2022.

MEADOWS D. Indicators and information systems for sustainable development. A report to the Belaton Group. The Sustainable Institute. 1998.

NASCIMENTO, J. M. Gestão Ambiental em Instituições Educação Superior no Brasil: do discurso a realidade. Dissertação (Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia) – Universidade Federal do Amazonas - UFAM, 2018. Disponível em: https://tede.ufam.edu.br/handle/tede/7114. Acesso em: set/2021.

ONU. Organização das Nações Unidas Brasil. Objetivos do Desenvolvimento sustentável. Disponível em: https://www.un.org/sustainabledevelopment/es/. Acesso em: jul/2021.

PESSÔA, E. C. S.; COSTA, I. C. N. P.; SILVA, L. G. F. A expansão do sistema nacional de ensino superior na Amazônia: o exemplo da universidade federal do oeste do Pará, em Santarém-PA. Disponível em: https://repositorio.ipea.gov.br/bitstream/11058/11510/1/Expansao_Sistema_cap16.pdf. Acesso em: nov/2022.

PIERANTI, O. P.; SILVA, L. H. R. A questão Amazônica e a política de defesa nacional. CADERNOS EBAPE.BR, v.5, nº 1, Mar. 2007. Disponível em: https://www.scielo.br/j/cebape/a/YXr8rjtP5sHnDkSs49LCCGC/?format=pdf&lang=pt. Acesso em: nov/2022. DOI: https://doi.org/10.1590/S1679-39512007000100012

SILVA, R. R.; BACHA, C. J. C. Acessibilidade e aglomerações na Região Norte do Brasil sob o enfoque da Nova Geografia Econômica. Nova Economia Belo Horizonte 24 (1) 169-190 janeiro-abril, 2014. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/0103-6351/1507. Acesso em: jun/2022. DOI: https://doi.org/10.1590/0103-6351/1507

SOUZA, L. B.; ALMEIDA, R.; LORDELO, L. M. K. O uso do instrumento Aishe na gestão para a sustentabilidade em uma universidade pública. Regae: Revista Gest. Aval. Educ. Santa Maria. V. 10. N. 19. e65694, p. 1-22, 2021. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5902/2318133865694. Acesso em: ago/2023. DOI: https://doi.org/10.5902/2318133865694

SULLIVAN, C. Calculating a water poverty index. World Development, v. 30, n. 7, p. 1195-1210. 2002. Disponível em: https://doi.org/10.1016/S0305-750X(02)00035-9. Acesso em: jun/2022. DOI: https://doi.org/10.1016/S0305-750X(02)00035-9

TAUCHEN, J.; BRANDLI, L. L. A gestão ambiental em instituições de ensino superior: modelo para implantação em campus universitário. Revista Gestão e Produção, v.13, n.3, p.503-515, set.-dez. 2006. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S0104-530X2006000300012. Acesso em: set/2022. DOI: https://doi.org/10.1590/S0104-530X2006000300012

TILBURY, D. Higher Education for Sustainability: A global overview of commitment and progress. Global University Network for Innovation, n. 4, p. 18-28, ago. 2011. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/285755127_Higher_education_for_sustainability_A_global_overview_of_commitment_and_progress. Acesso em: jun/2022.

VELAZQUEZ, L.; MUNGUIA, N.; PLATT, A. et al. Sustainable university: what can be the matter? Journal of Cleaner Production, 14(9), 810-819, 2006. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/247152192_Sustainable_university_What_can_be_the_matter. Acesso em: jun/2022. DOI: https://doi.org/10.1016/j.jclepro.2005.12.008

WEENEN, H. V. Towards a vision of a sustainable university. International Journal of Sustainability in Higher Education, 1(1), 20-34, 2000. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/235265256_Towards_a_vision_of_a_sustainable_university. Acesso em: set/2021. DOI: https://doi.org/10.1108/1467630010307075

Published

2024-05-22

How to Cite

Almeida, V. F. de, Simão, M. O. de A. R., Milhomem, K. de O., Vieira, A., Almeida, G. B. de, Barbosa, V. R., Limont, M., & Yunes Neto, C. (2024). Diretrizes da Sustentabilidade no Planejamento dos Institutos Federais de Educação na Amazônia Brasileira. Caderno Pedagógico, 21(5), e3908 . https://doi.org/10.54033/cadpedv21n5-172

Issue

Section

Articles