Equidade e atenção à saúde das mulheres em situação de rua: problemáticas em torno de uma população vulnerável

Authors

  • Aline Pacheco Eugênio
  • Francisca Bárbara Gomes da Silva
  • Islândia Barbosa Dantas de Meneses
  • Jael Maria de Aquino
  • Paulo Cezar Mendes
  • Leônidas Nelson Martins Júnior
  • Samuel Guedes de Souza Araújo
  • Émille Caroline de Souza Mindelo
  • Francismara Gomes de Sousa
  • Anne Milane Formiga Bezerra

DOI:

https://doi.org/10.54033/cadpedv21n3-200

Keywords:

Equidade, Saúde da Mulher, Cuidado

Abstract

Mulheres em situação de rua enfrentam desafios significativos que impactam diretamente sua saúde e bem-estar, especialmente devido às barreiras de acesso aos serviços de saúde e às disparidades de gênero na assistência. O objetivo do estudo é refletir sobre a equidade para mulheres em situação de rua. A falta de moradia segura e estável, juntamente com questões como violência de gênero e falta de acesso a recursos básicos, contribui para a deterioração de sua saúde física e mental, tornando a equidade na saúde crucial para garantir atenção adequada a essas mulheres. Para promover uma abordagem mais equitativa na saúde das mulheres em situação de rua, é crucial adotar estratégias que considerem suas necessidades específicas. Isso inclui a implementação de políticas públicas para garantir o acesso universal aos serviços de saúde, programas de capacitação para profissionais de saúde lidarem com essa população de forma sensível e empática. A equidade e atenção à saúde das mulheres em situação de rua é um problema social de extrema gravidade, sendo urgente a necessidade de implantação de políticas sociais e ações governamentais destinadas a reduzir esse quadro de vulnerabilidade. E termos imediatos, investimentos em abrigos temporários, promoção de parcerias para a existência de programas de empregos, capacitação profissional, campanhas de combate ao estigma associado a situação de rua e sobretudo, um contínuo apoio psicossocial para essa população e seus familiares, são ações já consolidados e que podem ser implantadas em curto espaço de tempo pela administração pública. Como limitação, este estudo deixa claro o cenário de invisibilidade dessa população, tanto na sociedade quanto nas políticas públicas de atenção à saúde, o que evidencia a extrema urgência de prestar atenção às suas particularidades, uma vez que seus padrões de enfermidade estão intimamente relacionados às questões de gênero.

References

BRASIL. Ministério da Saúde. Campanha Programa de Dignidade Menstrual. Um ciclo de Respeito. Disponível em: https://www.gov.br/saude/pt-br/campanhas-da-saude/2024/dignidade-menstrual. Acesso em: 13 de Fevereiro de 2024.

BRASIL. Ministério dos Direitos Humanos e da Cidadania (MDHC). Relatório “População em situação de rua: diagnóstico com base nos dados e informações disponíveis em registro administrativo e sistemas do Governo Federal”. Brasília: MDH, 2023. Disponível em: https://www.gov.br/mdh/pt-br/navegue-por-temas/populacao-em-situacao-de-rua/publicacoes/relat_pop_rua_digital.pdf. Acesso em: 13 de Fevereiro de 2024.

BRASIL. Política Nacional para Inclusão Social da População em Situação de Rua. (2008). Brasil. Governo Federal. Brasília, DF: Ministério da saúde. Disponível em: <https://www.justica.pr.gov.br/sites/default/arquivos_rest ritos/files/documento/2019-08/pol.nacional-morad.rua_.pdf> Acesso em 29 de Fev de 2024.

BRASIL. Ministério da Saúde. Atenção Primária. Políticas de Promoção da Equidade em Saúde. 2020. Disponível em https://www.gov.br/saude/pt-br/composicao/saps/equidade/o-que-e-equidade. Acesso em 29 de Fevereiro de 2024.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Boletim Epidemiológico. Volume 53, Número 22, Jun. 2022.

CARBONERA, ISABELA CRISTINA. Mulheres em Situação de Rua e Políticas Públicas de Saúde. Brasília. 2017. Trabalho de Conclusão de curso. Disponível em < https://bdm.unb.br/bitstream/10483/27307/1/2017_IsabelaCrist inaCarbonera_tcc.pdf> Acesso em 29 de Fevereiro de 2024.

CASTEL, Robert. A dinâmica dos processos de marginalização: da vulnerabilidade a “desfiliação”. Caderno CRH, Salvador, n. 26/27, p. 19-40, jan./dez, 1997.

JORGE, Caroline Ferreira; RICCI, Éllen Cristina. Mulheres em situação de rua: uma perspectiva de cuidado singularizado, territorial e intersetorial. Rev. Psicol. UNESP, Assis , v. 19, n. spe, p. 78-102, dez. 2020 . Disponível em <http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1984-904420200 00200005&lng=pt&nrm=iso>. acessos em 29 fev. 2024. http://dx.doi.org/10.5935/1984-9044.20200014.

NOBRE, Maria Teresa; MORENO, Nicole S.; AMORIM, Ana Karenina de M.; SOUZA, Emanuelly C. de. “Narrativas de modos de vida na rua: histórias e percursos”. Psicologia e Sociedade, v., e175636, 2018. Disponível em https://www.scielo.br/j/psoc/a/RSnSSnQQXkykjvXj8KCJtsD/?lang=pt. Acesso em: 13 de Fevereiro de 2024.

PRUDENTE, Thayane de Cácia Brito; GONTIJO, Daniela Tavares; PAIVA, Rayssa Béder César. Desempenho ocupacional de mulheres em situação de rua. Rev. Interinst. Bras. Ter. Ocup. Rio de Janeiro. v.2, n.1, p. 85-108, 2018.

RICHWIN, Iara Flor; ZANELLO, Valeska. “Desde casa, desde berço, desde sempre”: violência e mulheres em situação de rua. Revista Estudos Feministas, v. 31, n. 1, 2023. Disponível em: https://www.scielo.br/j/ref/a/pY3X HrnDpph57k7KGzqggbL/?lang=pt. Acesso em: 13 de Fevereiro de 2024

SAMPAIO LR, CAMINO CPS, ROAZZI A. Justiça distributiva: uma revisão da literatura psicossocial e desenvolvimentista. Psicol Estud. 2009Oct;14(4):631–40. Disponível em: https://www.scielo.br/j/pe/a/GZQZPx5 MpYHzwmCNwqxCFyC/ Acesso em 29 de Fevereiro de 2024.

UNFPA/UNICEF. Pobreza menstrual no Brasil: desigualdades e violações de direitos. Fundo de População das Nações Unidas e Fundo das Nações Unidas para a Infância [s.d]. Disponível em: https://www.unicef.org/brazil/media/14456/ file/dignidade-menstrual_relatorio-unicef-unfpa_maio2021.pdf. Acesso em: 13 de Fevereiro de 2024.

Published

2024-03-26

How to Cite

Eugênio, A. P., Silva, F. B. G. da, Meneses, I. B. D. de, Aquino, J. M. de, Mendes, P. C., Martins Júnior, L. N., Araújo, S. G. de S., Mindelo, Émille C. de S., Sousa, F. G. de, & Bezerra, A. M. F. (2024). Equidade e atenção à saúde das mulheres em situação de rua: problemáticas em torno de uma população vulnerável. Caderno Pedagógico, 21(3), e3411. https://doi.org/10.54033/cadpedv21n3-200

Issue

Section

Articles