Professional development program: a comparative analysis of in-person and EAD corporate education processes in the hospital environment

Authors

  • Cássia Sampaio Moura
  • Rita Maria Lino Tárcia

DOI:

https://doi.org/10.54033/cadpedv21n3-116

Keywords:

Educação Continuada, Educação Permanente, Educação em Saúde, Capacitação de Recursos Humanos em Saúde

Abstract

A gestão de recursos humanos é um tema importante para as Instituições de saúde, tendo em vista a necessidade de assegurar a eficiência, eficácia e efetividade dos serviços na busca de qualidade dos cuidados prestados à população, assim, a educação dos trabalhadores da saúde deve ser um processo permanente para o seu aprimoramento e aperfeiçoamento. A educação corporativa por muitos anos aconteceu fortemente de forma presencial, porém, com a Pandemia, isso foi alterado, intensificando os cursos no modelo a distância. Para analisar estes processos de educação na saúde, esta pesquisa analisou os processos de treinamento e desenvolvimento, presenciais e a distância, no período de 2019 a 2022, do Hospital do Servidor Público Municipal - HSPM, extraindo informações quantitativas para comparar os parâmetros nas duas modalidades, a fim de propor melhorias e indicadores na composição dos processos de capacitação e treinamento da Educação Corporativa. Como resultados, constatou-se uma procura por maiores conhecimentos técnicos, prevalecendo uma maior busca pelo ensino à distância, especialmente na faixa etária abaixo dos 53 anos, de etnia branca. Percebeu-se que a evasão dos cursos é maior nos cursos à distância e que os homens participam menos desta modalidade. O ensino técnico completo e ensino superior foram as categorias de escolaridade mais freqüentes no EAD, por outro lado, pouco procurado pelos profissionais com ensino fundamental. A pesquisa evidenciou, numa Instituição de saúde a busca pela Educação Corporativa com aprimoramento e aperfeiçoamento das técnicas, tendo sido proposto um estudo minucioso entre as diferentes faixas etárias, revisão de estratégias e elaboração de indicadores.

References

ABBAD, Gardênia da Silva; ZERBINI, Thaís; SOUZA, Daniela Borges Lima de. Panorama das pesquisas em educação a distância no Brasil. Estudos de Psicologia (Natal), v. 15, p. 291-298, 2010. Disponível em: https://www.scielo.br/j/epsic/a/QjjjT53cFhNJJDxw8LyhgDL/?format=pdf&lang=pt

ALBERTIN, A. L.; BRAUER, M. Resistência à educação a distância na educação corporativa. Revista Administração Pública, v. 46, n. 5, p. 1367-1389, 2012. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S0034-76122012000500009

ALVES, F. Instrutor Master: o papel do instrutor no processo de aprendizagem.São Paulo: DVS Editora, 2018.

BITTENCOURT, I. B.; MERCADO, L. P. L. Evasão nos cursos na modalidade de educação a distância: estudo de caso do Curso Piloto de Administração da UFAL/UAB. Ensaio: Avaliação e políticas públicas em educação, v. 22, n. 83, p. 465-503, 2014. Disponível em: https://www.scielo.br/j/ensaio/a/jfVS4MNP3mVcZJjJ6W4vrDy/?format=pdf&lang=pt

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria Executiva. Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde. Glossário temático: gestão do trabalho e da educação na saúde. Brasília: Ministério da Saúde, 2009. (Série A. Normas e Manuais Técnicos)

Campos, K. A., & dos Santos, F. M. (2016). A educação a distância no âmbito da educação permanente em saúde do Sistema Único de Saúde (SUS). Revista Do Serviço Público, 67(4), 603 - 626.

CECCIM, R. B.; FERLA, A. A. Educação e saúde: ensino e cidadania como travessia de fronteiras. Trabalho, educação e saúde, v. 6, n. 3, p. 443-456, 2008. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S1981-77462008000300003

COSTA, D. B. et al. Impacto do treinamento de equipe no processo de trabalho em saúde: revisão integrativa. Revista de Enfermagem UFPE online, Recife, v. 9, n. 4, p. 7439-47, abr., 2015. Disponível em: http://periodicos.ufpe.br/revistas/revistaenfermagem/article/viewFile/13603/16430 Acesso em: 27 fev. 2023.

CRODA, Júlio Henrique Rosa; GARCIA, Leila Posenato. Resposta Imediata da Vigilância em Saúde à Epidemia da COVID-19. Epidemiologia e serviços de saúde , v. 29, p. e2020002, 2020.

DA SILVA, D.; SIMON, F. O. Abordagem quantitativa de análise de dados de pesquisa: construção e validação de escala de atitude. Cadernos Ceru, v. 16, p. 11-27, 2005. Disponível em: https://doi.org/10.11606/issn.2595-2536.v16i0p11-27

DE OLIVEIRA, G. S. Metodologias, Técnicas e Estratégias de Pesquisa: estudos introdutórios. 2021.

GIRADE, M. G.; CRUZ, E. M. N. T. da; STEFANELLI, M. C. Educação continuada em enfermagem psiquiátrica: reflexão sobre conceitos. Revista da Escola de Enfermagem da USP, v. 40, n. 1, p. 105-10, 2006. Disponível em: http://www.scielo.br/j/reeusp/a/7m539QLWDgMSWdjvQTMZBNf/abstract/?format=pdf&lang=ptAcesso em: 27 fev. 2023.

JUSTEN, Carlos Eduardo; NETO, Luís Moretto; FELIPPE, Samuel. Reflexões sobre a Prática educativo-Crítica, Gestão Social e educação a Distância: o caso do PNAP em Santa Catarina. Desenvolvimento em Questão, v. 10, n. 21, p. 178-210, 2012.

MANZATO, A. J.; SANTOS, A. B. A elaboração de questionários na pesquisa quantitativa. Departamento de Ciência de Computação e Estatística–IBILCE–UNESP, v. 17, 2012. Disponível em: http://www.inf.ufsc.br/~vera.carmo/Ensino_2012_1/ELABORACAO_QUESTIONARIOS_PESQUISA_QUANTITATIVA.pdf

MEISTER, J. C. "Educação corporativa." educação corporativa. 2005. 296-296.

MEZZARI, A. et al. Estratégias para detecção precoce de propensão à evasão. Revista Iberoamericana de Educación a Distancia, v.16, n. 2, p. 147-175, 2013. Disponível em: https://www.redalyc.org/pdf/3314/331429869007.pdf

PAULO, C. A.; TIJIBOY, A. V. Inclusão digital de pessoas da terceira idade através da educação a distância. RENOTE, v. 3, n. 1, 2005. Disponível em: https://doi.org/10.22456/1679-1916.13797

QUAGLIA, I.; OLIVEIRA, A.; VELHO, A. P. M. Capacitação em saúde na Educação a Distância (EAD): Uma análise sistemática do conteúdo. Saúde e Pesquisa, v. 8, p. 103-112, 2015. Disponível em: https://periodicos.unicesumar.edu.br/index.php/saudpesq/article/view/3767/2516

SARDINHA PEIXOTO, L. et al. Educação permanente, continuada e em serviço: desvendando seus conceitos. Enfermería Global, n. 29, p. 324-340, janeiro 2013. Disponível em: http://scielo.isciii.es/pdf/eg/v12n29/pt_revision1.pdf Acesso em: 27 fev. 2023.

Published

2024-03-20

How to Cite

Moura, C. S., & Tárcia, R. M. L. (2024). Professional development program: a comparative analysis of in-person and EAD corporate education processes in the hospital environment. Caderno Pedagógico, 21(3), e3259. https://doi.org/10.54033/cadpedv21n3-116

Issue

Section

Articles