Fatores promotores da gestão do conhecimento no processo de tomada de decisão da área educacional no apoio ao uso de tecnologias e ferramentas digitais

Authors

  • Rogério Carlos Monteiro
  • Ivanir Costa
  • Marcos Antonio Gaspar
  • Mariana Rodrigues de Lima
  • Eduardo Stefani

DOI:

https://doi.org/10.54033/cadpedv21n2-086

Keywords:

Big data analytics, learning analytics, digital transformation, educação, gestão do conhecimento

Abstract

O uso de tecnologias digitais como Big Data, Data Analytics e Learning Analytics na área educacional tem apoiado o processo de tomada de decisão, fornecendo dados e análises que trazem informações valiosas para gestores educacionais e comitês de governança. No entanto, a implementação dessas soluções requer investimentos em novos conhecimentos e práticas que nem sempre estão disponíveis nessas organizações, afetando diretamente a Gestão do Conhecimento. Além disso, um processo de digitalização exige o envolvimento de diversas áreas da organização educacional, incluindo áreas estratégicas (diretoria, governança, gestão e gerências) e áreas usuárias (professores, alunos e gestores acadêmicos), que são fundamentais para o sucesso da iniciativa digital. Diante desse contexto, o objetivo desta pesquisa é buscar na literatura informações sobre Educação e Gestão do Conhecimento que permitam relacionar o uso de tecnologias digitais, como Big Data, Data Analytics e Learning Analytics na geração de informações para a tomada de decisão e identificar os fatores promotores que necessitam do apoio da Gestão do Conhecimento. Como resultado da pesquisa, a literatura apontou 6 fatores promotores (FT01, FT02, FT03, FT08, FT09 e FT10) que se relacionam diretamente com 3 dimensões (DM01, DM02 e DM03) do Modelo de Referência da Sociedade Brasileira de Gestão do Conhecimento (MRSBGC). Com o suporte das práticas da Gestão do Conhecimento na implementação das tecnologias e ferramentas estudadas, os gestores educacionais poderão analisar grandes volumes de dados e tomar decisões estratégicas com base em um melhor conhecimento de seus alunos. Isso pode incluir mudanças nas metodologias de ensino, alterações no conteúdo das disciplinas ou adoção de novas ferramentas educacionais.

References

ASHAARI, M. A.; SINGH, K. S. D.; ABBASI, G. A.; AMRAN, A.; LIEBANA-CABANILLAS, F. J. Big data analytics capability for improved performance of higher education institutions in the Era of IR4.0: A multi-analytical SEM & ANN perspective. Technological forecasting & social change, v. 173, p. 121119, 2021.

BASSANI, R. V.; CAZELLA, S. C. O alinhamento entre learning analytics e a general data protection regulation. Educação Temática Digital, v. 23, n. 4, 2021.

CASALINHO, G. D. O. O impacto do uso do Big Data na inteligência competitiva e na percepção do produto pelo cliente: desenvolvimento de proposições de pesquisa. Estudo & Debate, Lajeado, v. 22, n. 2, p. 154-170, 2015.

COSTA, I.; RICCOTA, R.; MONTINI, P.; STEFANI, E.; GOÉS, R.S.; GASPAR, M. A.; MARTINS, F. S.; FERNANDES, A. A.; MACHADO, C.; LOÇANO, R.; LARIEIRA, C. C. The Degree of Contribution of Digital Transformation Technology on Company Sustainability Areas. Sustainability, v. 14, n. 1, p. 462, 2022. https://doi.org/10.3390/su14010462

DANIEL, B. Big Data and analytics in higher education: Opportunities and challenges. British Journal of Educational Technology, v. 46, n. 5, p. 904-920, 2015.

DIAS JUNIOR, M. V.; MERCADO, L. P. Ações Docentes nos Ambientes Virtuais de Aprendizagem Proporcionadas pelas Ferramentas de Learning Analytics. Revista Iberoamericana de Educación, v. 80, n. 1, p. 117-37, 2019.

FAUZI, M. A. Knowledge hiding behavior in higher education institutions: a scientometric analysis and systematic literature review approach. Journal of Knowledge Management, Emerald Group Holdings Ltd., 2023. doi: 10.1108/JKM-07- 2021-0527

FERNANDES, A. A; ABREU, V. F.; DINIZ, J. L.; COSTA, I.; SOUZA, D. E.; TO-NON, D. H. P.; SILVA, E. B.; OLIVEIRA, J. C.; SEIXAS, J. A.; LEÃO, L.; FRAN-CISCO, M. C.; RODRIGUES, P. S. F.; BRITO, R.; RICCOTA, R.; OLIVEIRTA, S. C.; FERNANCES, T. C. M. Governança Digital 4.0. Brasil: Rio de Janeiro, Brasport, 2019.

FLORENCIO, F. A. C.; DE ARAULU, B. A.; TOMAZELA, M. G. J. M.; MUNHOZ, M. M. Análise de Big Data no Cenário Educacional: Utilização de Modelos Preditivos nas Fatecs do Centro Paula Souza. Revista FATEC Zona Sul, v. 6, n. 3, p. 13-26, 2020.

FONSECA, E. S.; ARAÚJO JR., C. F. Learning Analytics Para Avaliar o Desempenho Discente em uma Disciplina de Cursos a Distância. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, v. 10, n. 4, p.137-151, 2019.

LASKOSKI, F. C. Big Data E Analytics: A Percepção Dos Líderes Sobre O Processo De Tomada De Decisões Amparado Por Dados. Navus, v. 7, n. 3, p. 60-70, 2017.

LIMA, M. V. A.; ALMEIDA, A. C. A.; MENEZES, J. B. F.; SOUSA, T. M. Ética e Learning Analytics: uma combinação necessária para o rigor científico. Ponta Grossa, PR: Práxis educativa, 2023. v. 18.

LUFTMAN, J. Avaliando a maturidade do alinhamento entre negócios e TI. Comunicações da Associação de Sistemas de Informação, v. 4, 2000. https://doi.org/10.17705/1CAIS.00414.

MACEDO, V.; THURLER, L.; DIAS, E. F.; CAVALCANTI, M. A transformação digital nas organizações: reflexões sobre as competências de um gestor do conhecimento. Perspectivas em Gestão & Amp; Conhecimento, v. v. 11, n. Especial, p. 115–130. 2021. Doi: https://doi.org/10.22478/ufpb.2236-417X.2021v11nEspecial.57565.

MAHDI, O. R.; NASSAR, I. A.; ALMSAFIR, M. K. Knowledge management pro-cesses and sustainable competitive advantage: An empirical examination in private universities. Journal of Business Research, v. 94, p. 320-334, 2019.

PASSOS, T. R. N.; REBELLO, M. R. M.; FERREIRA, D. E. S.; SANTOS, M. R. M. C. Prospecção Tecnológica de Soluções de Big Data e de Análise de Dados Aplicadas à Educação. DOAJ Directory of Open Access Journals Cadernos de Prospecção, v. 13, n. 4, p. 1164, 2020.

RUSSOM, P. Big Data Analytics. TDWI best practices Report by TDWI (The Data Warehousing InstituteTM), a division of 1105 Media, Inc. 2011.

SBGC – SOCIEDADE BRASILEIRA DE GESTÃO DO CONHECIMENTO. Modelo de referência da Sociedade Brasileira de Gestão do Conhecimento – SBGC. In: SAITO, André Saito, Fernando Fukunaga. (orgs.). Modelo de referência SBGC: guia de referência da gestão do conhecimento. São Paulo: SBGC, 2020.

SCHMITZ, A.; ROCHADEL, W.; SOUZA, J. A. de; DANDOLINI, G. A.; GONÇALVES, A. L. Inovação, empreendedorismo e universidades no programa de pós-graduação em engenharia e gestão do conhecimento da Universidade Federal de Santa Catarina. International Journal of Knowledge Engineering and Management, v. 5, n. 13, p. 80–98, 2016.

SIN, K.; MUTHU, L. Aplicação de Big Data na mineração de dados educacionais e Learning Analytics- Uma revisão da Literatura. Revista ICTACT sobre Software Computing, v. 05, n. 4, p. 1035-1049, 2015.

SIEMENS, G. Learning analytics: the emergence of a discipline. Journal American Behavioral Scientist, v. 57, n. 10, p. 1380–1400, 2013.

Published

2024-02-22

How to Cite

Monteiro, R. C., Costa, I., Gaspar, M. A., de Lima, M. R., & Stefani, E. (2024). Fatores promotores da gestão do conhecimento no processo de tomada de decisão da área educacional no apoio ao uso de tecnologias e ferramentas digitais. Caderno Pedagógico, 21(2), e2819. https://doi.org/10.54033/cadpedv21n2-086

Issue

Section

Articles