Estilos de aprendizagem mediado por tecnologia e aplicada em Formação de Professores

Authors

  • Gilmar Cardozo de Jesus
  • Adriane Gonçalves Moura Cardozo
  • Alex Paubel Junger

DOI:

https://doi.org/10.54033/cadpedv21n2-075

Keywords:

ensino, aprendizagem, métodos de ensino, estilos de aprendizagem

Abstract

Este artigo provém de um estágio pós-doutoral vinculado ao Programa de Mestrado Profissional em Ensino de Ciências e Matemática e à linha de pesquisa em Tecnologias Computacionais Aplicadas ao Ensino de Ciências e Matemática, aborda a necessidade no processo educativo de os estudantes adquirirem competências e habilidades fundamentais para sua formação profissional. Os professores, por sua vez, necessitam do domínio de diversos saberes pedagógicos e da aplicação de estratégias de ensino, frequentemente negligenciadas em sua formação inicial. Nesse contexto, a pesquisa, de natureza exploratória e qualitativa, teve como objetivo identificar os estilos de aprendizagem dos alunos. Através da mediação tecnológica, foram sugeridos aos educadores métodos de ensino que se mostrassem eficazes no desenvolvimento de atividades pedagógicas, contribuindo assim para sua formação profissional. Ao analisar a percepção de alunos e educadores, concluiu-se que os esforços desta pesquisa têm o potencial de contribuir de forma positiva para o processo de ensino-aprendizagem.

References

ARAÚJO, J. C. S. Fundamentos da metodologia de ensino ativa (1890-1931) – UNIUBE/UFU. 37ª Reunião Nacional da ANPEd 04 a 08 de outubro de 2015, UFSC – Florianópolis.

ARAUJO, M. M. P.; JUNGER, A. P. Dialogando a formação continuada de professores: uma revisão sistemática da literatura. Cuadernos de Educación y Desarrollo, [S. l.], v. 16, n. 1, p. 1446–1463, 2024. Disponível em: https://ojs.euro

pubpublications.com/ojs/index.php/ced/article/view/3079. Acesso em: 1 fev. 2024.

BALECHE, F. L. K. Estilos de aprendizagem: um olhar para o aprendiz na prática pedagógica. Anais do Congresso Nacional De Educação, v. I, p. 1-16, 2015.

CASTANHO, M. E. Professores de ensino superior da área da saúde e sua prática pedagógica. Interface-Comunicação, Saúde, Educação, v. 6, p. 51-61, 2002.

CATHOLICO, R. A. R.; OLIVEIRA NETO, J. D. Inventário de estilos de aprendizagem em um curso de eletrotécnica. Trabalho apresentado n. 14º CIAED – Congresso Internacional ABED de Educação a Distância realizado em Santos de 14 a 17 de setembro de 2008. Disponível em: chrome-extension://efaidnbmnnnibpcajpcglclefindmkaj/viewer.html?pdfurl=http%3A%2F%2Fwww.abed.org.br%2Fcongresso2008%2Ftc%2F542008101737AM.pdf&clen=84679&chunk=true. Acesso em: 1 fev. 2024.

CATHOLICO, R. A. R. Estratégia de ensino em curso técnico a partir dos estilos de aprendizagem de Felder-Soloman. 130p. Dissertação (Mestrado) – Escola de Engenharia de São Carlos, Universidade de São Paulo, São Carlos, 2009.

COFFIELD, F.; MOSELEY, D.; HALL, E.; ECCLESTONE, K. Learning styles and Pedagogy in post-16 learning. A systematic and critical review. Londres: Learning and Skills Research Centre, 2004

CORRÊA, G. V. Reflexões e proposições sobre o conceito de atividade pedagógica dos professores de crianças de 4 a 6 anos. Dissertação (Mestrado) – Universidade do Vale do Itajaí, SC, 2008.

CURRY. L. Learning style in continuing medical education. Otawa: Canadian Medical Association, 1983.

FELDER, R. M.; SILVERMAN, L.K. Learning and teaching styles in engineering education. Journal of Engineering Education, v. 78, n. 7, p. 674-681, 1988. Disponível em: https://www.engr.ncsu.edu/wp-content/uploads/drive/1QP6kBI1i

QmpQbTXL-08HSl0PwJ5BYnZW/1988-LS-plus-note.pdf. Acesso em: 1 fev. 2024.

FELDER, R.M.; SILVERMAN, L.K. Learning and teaching styles in engineering education. Journal of Engineering Education, v. 78, n. 7, p. 674-681, (prefácio de 2002). Disponível em: https://www.engr.ncsu.edu/wp-content/uploads/drive/

QP6kBI1iQmpQbTXL-08HSl0PwJ5BYnZW/1988-LS-plus-note.pdf. Acesso em: 1 fev. 2024.

FELDER, R. M.; SOLOMAN, B. A. Learning styles and strategies. 1991. Disponível em: https://www.engr.ncsu.edu/wp-content/uploads/drive/1WPAfj3

j5o5OuJMiHorJ-lv6fON1C8kCN/styles.pdf. Acesso em: 1 fev. 2024.

FELDER, R. M. Reaching the Second Tier: learning and teaching styles in College Science Education. J. Coll. Sci Teaching, v. 23, n. 5, p. 286-290, 1993. Disponível em: https://www.engr.ncsu.edu/wp-content/uploads/drive/1g7

mzNhke6ErAkNXsQlyxBsmkaR-m8oe-/1993-Secondtier.pdf. Acesso em: 1 fev. 2024.

FREITAS, A. Aplicação dos estilos de aprendizagem na formação de equipes: um estudo de caso. São Carlos, 108f. Dissertação (Mestrado) – Escola de Engenharia de São Carlos (EESC). Universidade de São Paulo. 2007.

JESUS, G. C. Desenvolvimento e validação de aplicativo para estudo de Estilos de Aprendizagem. 2017. 92 f. Dissertação – Universidade Cruzeiro do Sul, São Paulo, 2017.

JESUS, G. C. Identificação de estilos de aprendizagem e proposta de métodos de ensino assertivos utilizando o aplicativo EdA. 2022. 92 f. Tese – Universidade Cruzeiro do Sul, São Paulo, 2022.

JOB, S. C. P. D. Teorias da aprendizagem: uma revisão da literatura. Id On Line Revista De Psicologia, 5. 22. 10.14295/idonline.v5i15.18., 2011.

JUNGER, A. P.; DE OLIVEIRA, V. I.; YAMAGUCHI, C. K.; DE OLIVEIRA, M. A. M. L.; DE AGUIAR, H. M.; DE LIMA, B. L. S. The role of school management in technological practices as a tool for futuristic teaching. Revista de Gestão e Secretariado, [S. l.], v. 14, n. 7, p. 10749–10765, 2023. Disponível em: https://ojs.revistagesec.org.br/secretariado/article/view/2426. Acesso em: 1 fev. 2024.

KEEFE, J. W. Learning style: an overview. In: KEEFE J.W. Student learning styles: diagnosing and prescribing programs. Reston: National Association of Secondary School Principals, 1979.

KERLINGER, F.N. Foundation of behavioral research. New York, Holt, Rinehart and Winston, 1973.

KOLB, D. A. Individual learning styles and learning process. Massachusetts: Sloan School of Management, 1971.

MARIN, A. C.; JUNGER, A. P.; ASSAYAG, R. M.; AMARAL, L. H. O currículo para os cursos superiores tecnológicos: inovações em competências formativas. Humanidades e Inovação, v. 5, n. 9, 2018. Disponível em: https://revista.unitins.

br/index.php/humanidadeseinovacao/article/view/964. Acesso em: 1 fez. 2024.

MOREIRA, M. A. Teorias de Aprendizagem. São Paulo: EPU, 1999.

PENNINGS, A. H.; SPAN, P. Estilos cognitivos e estilos de aprendizagem. In: ALMEIDA, L. (Org.). Cognição e Aprendizagem escolar. Coleção Temas de Psicologia. Porto: APPORT, 1991.

PEREIRA, L. R.; ANJOS, D. D. O professor do ensino superior: perfil, desafios e trajetórias de formação. Seminário internacional de educação superior, v. 1, p. 1-11, 2014.

PFROMM NETO, S. Psicologia da Aprendizagem e do Ensino. São Paulo: EPU, 1987.

SANTOS, A. A. A., BARIANI, I.C.D. e CERQUEIRA, T. C. S. (2000). Estilos cognitivos e estilos de aprendizagem. In: F. F. Sisto, G. C. Oliveira, L. D. T. Fini. Leituras de psicologia para formação de professores. Petrópolis, RJ: Vozes; Bragança Paulista, SP: Universidade de São Francisco.

SANTOS, J. A. S. Teorias da Aprendizagem: comportamentalista, cognitivista e humanista. Revista Cientifica Sigma, v. 2, n. 2, p. 97-111, 2006.

SCHMECK, R. R. et al. Learning Strategies and Learning Styles. New York: Plenum Press, 1988.

SILVA, D. O impacto dos estilos de aprendizagem no ensino de contabilidade na FEA-RP/USP. Ribeirão Preto. 108f. Dissertação (Mestrado) – Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto (FEARP). Universidade de São Paulo. 2006.

SILVA, L. L. V. Estilos e estratégias de aprendizagem de estudantes universitários. São Paulo. 125f. Dissertação (Mestrado) – Instituto de Psicologia. Universidade de São Paulo. 2012.

TREVELIN, A. A relação professor aluno estudada sob a ótica dos estilos de aprendizagem: análise em uma Faculdade de Tecnologia – Fatec. São Carlos. 202f. Tese (Doutorado) – Escola de Engenharia de São Carlos (EESC). Universidade de São Paulo. 2007.

Published

2024-02-20

How to Cite

de Jesus, G. C., Cardozo, A. G. M., & Junger, A. P. (2024). Estilos de aprendizagem mediado por tecnologia e aplicada em Formação de Professores. Caderno Pedagógico, 21(2), e2790. https://doi.org/10.54033/cadpedv21n2-075

Issue

Section

Articles